Grupo Alpha


Simulador e Divertir

Base de conhecimento - Motor

By [AlphA] MgDalvin   |   25 Sep 2019 02:42 UTC

Os motores apresentados pela SCS no ETS2 possúem uma grande variedade de potência, elas se aplicam direta e indiretamente em muitos fatores, esas variações se assemelham entre as marcas mesmo tendo números diferentes.

Em resumo, podemos concluir que os motores são mais aplicados pensando no peso que será transportado, cargas mais leves normalmente não necessitam de um motor tão potente, logo, motores mais "fracos", ou seja, com menos "cv", são construídos pensando em cargas mais leves enquanto os mais pesados são mais direcionados a carga mais pesadas.

Nos motores da oficina existem algumas nomenclaturas, vamos conhecer uma delas:

rpm: Podemos dizer sem nenhum temor de estar equivocado que, o resultado de uma grande operação de transporte está totalmente ligada ao conta-giros do motor do caminhão, no que se refere ao consumo de combustível.

Todo gestor de frota, tem que ficar muito atento a esse item, visto que o consumo de combustível, pode chegar a representar 40% do faturamento mensal de uma determinada operação.

Para melhor ilustrar esse tema, iremos dividir o conta-giros em cinco partes: Faixa de Marcha Lenta; Faixa de Torque; Faixa de Potência; Faixa de Freio Motor; Faixa de Perigo

Faixa de Marcha Lenta: A Marcha Lenta, extremo inferior da escala, é conhecida pelos engenheiros como Mínimo Motor, e representa a menor rotação de funcionamento do motor e, ao contrário do que muitos pensam, é uma faixa de rotação crítica, pois todos o componentes estão trabalhando em seu limite mínimo de funcionamento (Lubrificação, Arrefecimento), causando os espelhamento das camisas dos pistões.

Faixa de Torque: É a faixa ideal de trabalho, aonde o consumo de óleo diesel é moderado, que vai de 1.100 a 1.600 RPM. Podemos afirmar também que é dentro dessa faixa de trabalho que se encontra o "Ponto Extra Econômico", que vai de 1.200 a 1.500 RPM. Essa é a faixa de viagem econômica do caminhão.

Faixa de Potência: Ela vai de 1.700 a 2.200 RPM e deve ser evitada ao máxima a permanência do motor dentro desta faixa, uma vez que esta é a parte que mais consome combustível. Ela dever ser utilizada somente em caso de ultrapassagens e logo seguida voltar a faixa de torque.

Faixa de Freio Motor: É a faixa que vai de 1.900 a 2.200 RPM, essa é a faixa que devemos entrar somente desacelerando, afim de obter o máximo de rendimento do freio motor do caminhão. Vale ressaltar que quando se opera dentro desta faixa, com o caminhão desacelerando, o consumo de combustível é zero e, outro beneficio não menos importante, é a redução do uso do freio, evitando assim o aquecimento das rodas e dos pneus. Para acessar essa faixa basta que caminhão esteja viajando na faixa de Torque e o motorista efetuar redução de marchas.

Faixa de Perigo: É a faixa que vai de 2.300 a 3.000 RPM. Essa é a faixa que pode causar danos irreversíveis ao motor. Pode simplesmente empenar as válvulas do cabeçote e até mesmo vir a empenar as bielas, pelo fato de que nessa faixa o motor perde totalmente o sincronismo. Em alguns tipos de motores eletrônicos existem sensores de proteção que impede que isso aconteça cortando o fluxo de combustível.

Information


Tag: [ AlphA ]
Language: Portuguese
Created: 13 Jul 2019 15:06 UTC
Supported Games
Euro Truck Simulator 2
American Truck Simulator
Owner: [AlphA] MgDalvin
Members: 8
Recruitment: Open